Como dar remédio pro gato

gato_bravo

Se você é um cat person, aprenda. Quem escreveu isso (não sei quem foi, o texto veio por e-mail) sabe bem do que está falando… Marisa, é assim que funciona com a Brigitte? :-P

1. Pegue o gatinho e aninhe-o no seu braço esquerdo como se segurasse um bebê. Coloque o indicador e o polegar da mão direita nos dois lados da boquinha do bichano e aplique uma suave pressão nas bochechas enquanto segura o comprimido na palma da mão. Quando o amorzinho abrir a boca, atire o comprimido lá para dentro. Deixe-o fechar a boquinha e engolir

 

2. Recupere o comprimido do chão  e o gato de trás do sofá. Aninhe o gato no braço esquerdo e repita o processo.

 

3. Vá buscar o gato no quarto e jogue fora o comprimido meio desfeito.

 

4. Retire um novo comprimido da embalagem, aninhe o gato no seu braço enquanto lhe segura firmemente as patas traseiras com a mão esquerda. Obrigue o gato a abrir as mandíbulas e empurre o comprimido com o indicador direito até no fundo da boca. Mantenha a boca do gato fechada enquanto conta até dez.

 

5. Recupere o comprimido de dentro do aquário e o gato de cima do guarda-roupa.  Chame a sua esposa do jardim.

 

6. Ajoelhe-se no chão com o gato firmemente preso entre os joelhos, segure as patas da frente e de trás. Ignore os rosnados baixos emitidos pelo gato. Peça a sua esposa que segure firmemente a cabeça do gato com uma mão enquanto força a ponta de uma régua para dentro da boca do gato com a outra. Deixe cair o comprimido ao longo da régua e esfregue  vigorosamente o pescoço do gato.

 

7. Vá buscar o gato no trilho da cortina e retire outro comprimido da embalagem. Tome nota para comprar outra régua e consertar as cortinas. Cuidadosamente varra os cacos das estatuetas e dos vasos do meio da terra e guarde-os para colar mais tarde.

 

8. Enrole o gato numa toalha grande e peça a sua esposa para se deitar por cima de forma que apenas a cabeça do gato apareça por debaixo do sovaco. Coloque o comprimido na ponta de um canudinho de beber, obrigue o gato a abrir a boca e mantenha-a aberta com um lapis. Assopre o comprimido do canudinho para dentro da boca do gato.

 

9. Leia a bula inclusa na embalagem para  verificar se o comprimido faz mal a humanos, beba uma cerveja para retirar o gosto da boca. Faça um curativo no antebraço da sua esposa e remova as manchas de sangue no carpete com o auxilio de água fria e sabão.

 

10. Retire o gato do barracão do vizinho. Vá buscar outro comprimido. Abra outra cerveja. Coloque o gato dentro do armário e feche a porta até o pescoço de forma que apenas a cabeça  fique de fora. Force a abertura da boca do gato com uma colher  de sobremesa. Utilize um elástico como estilingue para atirar o comprimido pela garganta do gato abaixo.

 

11. Vá buscar uma chave de fendas na garagem e coloque a porta do armário de novo nos eixos. Beba a cerveja. Vá buscar uma garrafa de whisky. Encha um copo e beba. Aplique uma compressa fria na bochecha e verifique a data de quando tomou a última vacina contra tétano. Aplique compressas de whisky na bochecha para desinfetar. Beba mais um copo. Jogue a camiseta fora e vá buscar uma nova no quarto.

 

12. Telefone aos bombeiros para virem retirar o desgraçado do gato de cima da árvore do outro lado da rua. Peça desculpas ao vizinho que se estampou contra a vedação enquanto tentava desviar-se do gato em fuga. Retire o último comprimido de dentro da embalagem.

 

13. Amarre as patas da frentre às patas de trás do filho da puta do gato com a mangueira do jardim e em seguida prenda firmemente na perna da mesa da sala de jantar. Vá buscar as luvas de couro para trabalhos de jardinagem na garagem. Empurre o comprimido para dentro da boca da besta seguido de um grande pedaço de carne. Seja suficientemente bruto, segure a cabeça do corno na vertical e despeje-lhe um litro de água pela goela abaixo para que o comprimido desça.

 

14. Beba o restante do whisky. Peça a sua esposa que o leve ao pronto-socorro e sente-se muito quieto enquanto o médico lhe costura os dedos, o braço e lhe remove os restos do comprimido de dentro do seu olho direito. A caminho de casa ligue para a loja de móveis para encomendar uma nova mesa de jantar.

 

15. Trate de tudo para que a sociedade protetora dos animais venha buscar o viado do gato mutante fugido do inferno. Telefone para a loja de animais e pergunte se têm tartaruguinhas.

About these ads

9 respostas em “Como dar remédio pro gato

  1. … ai ai ai … rsrs… que maldade!!!

    Besos, besos…

    PS.: por vezes eu esqueço da mosca… mas por vezes me irrita profundamente… o pior é que o oftalmo não liga muito que ela esteja onde está… rsrs… disse que eu vou, simplesmente, me esquecer dela… Será?

  2. Ah, vai esquecer sim, só não tente ficar livre da mosca usando um inseticida no olho, isso traria muuuuuitos problemas! :-)

    E isso eu tenho desde sempre, se for sintoma de idade eu faço minhas as sábias palavras do chefe da Nação e digo que eu ‘mifu’…

    PS- tenho uma amiga que poderia ter escrito esse texto sobre os gatos. A Brigitte desafia qualquer veterinário,rsrs

    besos, Guapa!

  3. Guapa!!! Volteiiii… só pra deixar uma mensagem: (só não repara… rsrs… é um daqueles textos copia/cola… porque eu ia acabar esquecendo alguma coisa se não fosse assim… mas já deu pra perceber, né? Eu não consigo simplesmente dar o recado!)

    Moça, tem um meme pra vc lá no meu blog… Meme, selo, corrente… Sei muito bem o que é não…. Mas a gente pode ganhar brinde! =D E isso é que é o legal…

    Besos, guapa!

  4. Rsrsrs!!! O negó é o siguim: sendo “pai” de 2 gatos, vou dar a dica do “pro”: pegue uma toalha de rosto, faça um torniquete e enrole ao redor do pescoço do bichano… depois pressione-o contra o encosto de um sofá usando o peso de todo o seu corpo contra o danado, enfie o comprimido na gola dele, espere uns 7 minutos de babação e… “voia-la”… trabalho feito! Só verifique a sua (do gato) respiração após, posi corre o risco de vc acabar com as 7 vidas de uma tacada só…

  5. :-P Fred, conta aí, o que é mais difícil, dar remédio pros gatos ou dar almoço pra filhota? Aposto que ela é mil vezes mais comportada (e ainda faz charminho pro ‘papau’, né, e aí você não resiste!) Acho que é por isso que eu sou uma ‘dog person’ e não uma ‘cat person’, o Iuri era tão fino e educado, mesmo sendo um pastor alemão tamanho gigantão… ;-)

    bisous

  6. AMEI!!!! Estou super alegre com estas dicas super, hiper, mega fáceis e utilizar em casa. Agora vou colocar em prática com Antônio Cícero e Celso Afonso… Se funciona para gatos, quem sabe para cachorro tb… Depois te conto como foi!
    Bjs
    Gobbo ou Vamp’s ou Alexandre

  7. Menino, e de que ‘marca’ são os totós? Eu nunca experimentei em caninos, mas deve funcionar, por que não? Daí pode ser que funcione super bem também com crianças, já pensou que sucesso? :-P

    bisous

  8. Um ano depois, o que significa que provavelmente ninguém vai ler o que vou escrever, deixa eu estragar a brincadeira e sugerir a solução mais simples e saudável para todos os envolvidos: mande um veterinário aplicar uma injeção no gato. :)

    • Não subestime a rede, as postagens vão e voltam e tem sempre alguém lendo coisas antigas, graças aos mecanismos de busca do Google… O problema com a injeção é conseguir pegar o gato. Tenho uma amiga que precisa usar luvas especiais pra conseguir agarrar a Brigitte, ‘filha’ dela, antes mesmo do veterinário conseguir fazer qualquer coisa!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s