Fogo e gelo

Minha aluna teen me contou que, no filme Eclipse, Bella, a garota em eterno dilema entre o amor de um vampiro e o de um lobisomem (não me perguntem, não li nenhum dos livros da saga Crepúsculo) recita o poema Fire and Ice, de Robert Frost, para seu immortal beloved. Taí. Se isso servir para, sei lá, meio por cento da meninada que for ao cinema prestar um pouquinho de atenção na beleza das palavras desse poeta, acho que já vai até estar de bom tamanho…

 

Fire and Ice

Some say the world will end in fire,
Some say in ice.
From what I’ve tasted of desire
I hold with those who favor fire.
But if it had to perish twice,
I think I know enough of hate
To say that for destruction ice
is also great
And would suffice.

Fogo e Gelo

Alguns dizem que o mundo acabará em fogo,
Outros dizem que em gelo.
Pelo que já provei do desejo
Fico com quem prefere o fogo.
Mas se tivesse que perecer duas vezes
Acho que conheço o suficiente do ódio
Para saber que para a ruína o gelo
também é ótimo
E bastaria.
***

Mais:
The road not taken
Vampiros também amam

About these ads

Publicado em 1 julho, 2010, em cinema, poemas e marcado como , , , , . Adicione o link aos favoritos. 15 Comentários.

    • Carol, tenho sim, obrigada (ainda mais pelo ‘simpática’, nossa, encheu a bola!!!) :-)
      Quem diria que um Robert Frost caberia em dois tweets, né?
      bjk

  1. Nossa, que profundo isso.
    Eu gostei.
    Não vi o filme ainda, mas confesso que to louca pra ver, mas vou deixar escapar essa histeria toda dessa molecada pra não ficar em filas, hahahaha!

    bjos

    • Rê, eu vi o primeiro (de ‘improviso’, cheguei e era o filme que estava passando na hora) e me diverti bastante. Não vi o segundo, acho que só encaro se for uma dessas sessões de TV a cabo e eu sem nada pra fazer (heeein?). Talvez eu vá no terceiro, li uma crítica dizendo que, pelo menos nesse, alguma coisa acontece… :-)
      bjk

  2. Eu vi os dois anteriores, o primeiro pela explosão da mídia, o segundo por que não pude acreditar que aquela balela de amor castro e cenas mal coladas pudesse ser o mesmo filme que todo mundo adora. Não perco meu tempo com o 3o nem se me disserem que tem citação de Machado de Assis.

    A única coisa que concluí foi o que com uma boa produção e um marketing milionário, só o diabo pode, mesmo!!

    Até escrevi sobre isso ontem: http://recadopararosa.blogspot.com/2010/06/sugando-o-sangue-do-vampiro-de-novo.html

    Bj

    • hahaha, citação de Machado de Assis seria o máximo, né? Uma coisa assim, meio Capitu e Bentinho, talvez? :-)

      Não vi o segundo, li que esse é mais animado um tiquinho. Bom, no primeiro é aquela pasmaceira, todo mundo com cara de ‘ai, que tédio’, mas isso parece vender, né? De qualquer maneira, tiro meu chapéu para escritoras como essa e a J.K. Rowling, que conseguiram colocar a meninada pra ler de novo. Um feito, sem dúvida!
      bjk

      baideuêi: fui lá no seu blog, adorei o post, fiz um comentário mas deu mensagem de erro e o que eu escrevi sumiu! :-( Depois tento de novo…

  3. hum! sinto que o blogger me está boicotando, kkkkkk, já me falaram isso antes e eu não posso fazer absolutamente nada…Desagradável!!!

    Mas muuuuito obrigada pela visita, valeu mesmo!

    De qual meninada vc está falando? pq se for a daqui, sei não… Esso é assunto pra outro post kkkk
    Bj

    • Ah, essas maquininhas e programinhas realmente podem deixar qualquer um maluco! :-)
      Não perca as esperanças, quem sabe eles não estão lendo escondido, kkkk…?
      bjk

  4. Mônica adorei seu blog, muito criativo e bem humorado, vc é uma ótima escritora a acaba de entrar pra minha lista de escritores favoritos.
    Um abraço!

  5. Eu fui obrigada a assistir esses filmes pelos meus enteados.
    Graças a Deus, uma cresceu e nem quer mais ouvir falar disso, mas o mais novo, de 13, é fã e está na contagem regressiva para ver o terceiro. Eu não vou, nem se for amarrada. Ainda mais que será em alemão.

    Alguma coisa de bom, nem que seja um poema, em dois minutos de cena, nessas horas de porcaria tinha que aparecer.

    Obrigada pelo vídeo. Miacabei de rir. rs

    bjs

    • Nossa, um filme desses em alemão deve ser uó, hein?
      Eu não sei se vou animar, mas tem horas em que a programação de cinemas por aqui só fica na base de filmão, então sobram poucas alternativas…
      Eu murridirri com o vídeo dos alemães.
      Depois que o Maradona ameaçou andar pelado pelas ruas de Buenos Aires, acho que vou torcer pela Alemanha amanhã!!! :-D

  6. Acabei de vir do cinema onde fui assistir a este filme ‘Eclipse’ com a minha filha de 12 anos. A filha é mero acessório, pq eu ia ver o filme na mesma. Já fui ver os outros 2 e para contrariar a opinião do pessoal, sabe duma coisa? Adorei. Adoro estas histórias de amores impossíveis. Adoro a maneira como o Edward e a Bella se olham, como se nada mais no mundo existisse. Adoro a maneira como ela descobre que afinal também ama ao Jacob, não tanto como ao Edward… e por fim, adoro a forma como ele tranquilamente diz ‘Eu sei’ quando enfrenta tudo isso. Pelo amor de Deus, onde anda essa gente que não acha isso o trem maiiiiiiis lindo do mundo! Esse amor shakespeare-vitoriano-vampiro-humano-lobisomen dá cabo de qq coração!
    Bjs,
    Ana

    • Ana,
      acho que foi isso mesmo que me divertiu horrores no Crepúsculo (Lua Nova eu não vi). Na verdade, esses livros nada mais são do que os clássicos dilemas sendo revisitados com uma paginação mais cool, senão a meninada joga pra escanteio rapidinho! O que eu mais admiro nessas ‘sagas’ tipo Crepúsculo, Harry Potter e afins, é que as autoras botaram a moçada pra ler de novo. Meus amigos reviravam os olhos quando eu dizia o tamanho dos livros do Harry Potter, mas as crianças queriam saber quem eu achava que tinha feito isso e aquilo. 700 páginas iam embora num piscar de olhos. Acaba um pouco com aquele papo de que o pessoal hoje não lê, né? Deem pra eles o que eles gostam, vão salpicando aqui e ali com outros autores, num minuto eles ‘se apegam’. Um professor esperto vai aproveitar a chance de mostrar aos alunos mais poemas do Frost (que são lindos), poemas de outros autores, sugerir alguns clássicos que falem de lobisomens, vampiros, etc., mostrar trechos de filmes, etc. O problema é que tem muito professor e muitos pais por aí que também não leem e não conhecem o suficiente para ‘contaminar’ a moçada com coisa boa… :-)
      bjk

      Ainda não consegui ver Eclipse, salas muito cheias pro meu gosto. Mas amanhã vou conferir ‘Cartas para Julieta’, outro filminho romântico perfeito pra uma segundona…

  7. beem Legauuu o fiLmee… eu assistiii !

    - e o poema conbina perfeitamentii!!!

    Beijos’

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 133 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: