E antes que eu me esqueça…

porque alguns ceresmuanos quase conseguem tirar a gente do sério.
Em plena sexta-feira de sol e calor. Isso não é nada bom.
***
Anúncios

6 respostas em “E antes que eu me esqueça…

  1. Mônica, há situações em que só podemos adotar tal expressão. Aí, dou toda razão ao bichano, e faço coro: we’re not amused!
    Sexta é dia de descontrair, de nos prepararmos para o findi.
    Felizmente hoje pude fazer isso, depois de uma semana que foi bem carregada. Espero que as demais desse restinho de ano não tenham o mesmo ritmo…
    Um bom treino de tênis (sim, eu voltei a jogar, e foi ainda no final do ano passado), e depois uma sauna a vapor para “esquentar a cabeça” eheheheh! Suor que não acaba mais!
    Depois, uma cervejinha e boa música. Não há tensão que resista!
    Ah! E mais uma coisinha: esquenta não, bichim!
    Beijos, e bom findi.

    • Ei GeGe,
      que bom que deu pra relaxar, e concordo com você, uma atividade física dá conta de boa parte da chateação. Mas o bom é que, comigo pelo menos, a coisa não dura; tento ‘exercitar o desapego’ nessas horas, ou seja, fico p. da vida e é só, a raiva passa, eu tomo providências (se for o caso) ou deixo de lado, que eu não gosto de ficar remoendo as coisas não. Um encontro com os irmãos e sobrinhada, com muito riso e falação de bobagem, já deu pra voltar ao normal! Afinal de contas, findi taí, né? A gente não pode desperdiçar oportunidade de alegria! 🙂
      bjk e ótimo findi procê também.

  2. Monica, tem horas que seria bom ser cego, surdo e burro, e fazer cara de paisagem, mas é duro, tem horas que da vontade de fazer igual a Uma no Kill Bill sair matando todo mundo, mas não da né, o melhor é respirar fundo e fazer de conta que não é conosco, bom fim de semana.

    • Fernando, só de lembrar da Uma no Kill Bill eu já relaxo! 🙂
      Eu fico p. da vida, mas daí passa, eu fico guardando essas coisas não: dá úlcera, a gente é que fica chateada e quem nos chateou continua feliz e pimpão. Não vale a pena… 🙂
      Bom fim de semana pra você também!

  3. Verdade, Monica, não encuca! pessoas bem sucedidas, centradas, e de uma cultura para colocar “naquelas balancinhas de precisão antigas… onde se pesava coisas de valor (quilates)”, não que sejamos antigas, me refiro a preciosidade! não escapam deste crivo de sordidez! Olha que eu não puxo saco. Mas ADMIRO E MUITO, quem tem a contribuir, compartilhar. Cultura, experiências boas ou às vezes difíceis, é para dividir mesmo! Afinal para quê estamos por aqui? Tenho aprendido tanto… Abraços!

    • O mais importante é isso, né Vanilda, aprender muito, e sempre. Eu fico boba com o tanto de coisas novas que vejo e absorvo todos os dias, e com o tanto de muitas outras coisas que ainda estão por aí, a espera do meu aprendizado…
      abraço!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s