Sláinte mhaith!

St. Patrick é mesmo meu tipo de santo padroeiro. Durante séculos os cristãos em geral – e os católicos em particular – fizeram questão de jogar um balde de água fria em toda e qualquer festinha pagã. Mega desmancha-prazeres, não podiam ver uma fogueira acesa ou um altar pro sacrificio de virgens aos deuses que pimba, lá vinham eles com um santo para substituir, e mais uma procissão e uma meia dúzia de penitências acopladas. Bebedeira, danças ao redor do fogo, cantoria, tudo proibido, os antigos símbolos celtas trocados por cruzes (algumas muito lindas, é verdade, como essa aí do lado em Clonmacnoise), monastérios por toda parte.

Uma hora isso ia acabar voltando neles. Daí que a festa de St. Patrick, todo 17 de março na Irlanda, está longe de ser aquela coisa de ‘fica, vai ter procissão!’. O povo vai pra rua, vai para os pubs, canta ‘Danny Boy’ centenas de vezes (ok, essa parte eu pularia), dança e se diverte até tarde. O que começou como um feriado religioso acabou virando festança.

E como beber é um dos esportes preferidos aqui nas montanhas, nada mais natural do que comemorar e bebemorar St. Patrick entre nós. A festa é sábado, dia 19, no quarteirão da av. Getúlio Vargas, entre ruas Paraíba e Rio Grande do Norte, a partir das 2h da tarde. Pode ir se preparando para o pint de Guinness e caprichando no tintim em bom irlandês: Sláinte mhaith! Se tiver bons joelhos – os meus já se foram faz tempo – dá até pra dar uma arriscada nos passinhos com Colin e Jean.

***

Anúncios

8 respostas em “Sláinte mhaith!

  1. eu acho que fui irlandês em outra encadernação, tenho ‘mor simpatia por aquela bagunça de lá, música incluída.
    Mas eu sou dividido em relação a esse sapateado deles. Acho incrível e tudo (a música é sempre legal), mas essa coisa de ficar esticadinho o tempo todo dá vontade de rir…

    • Max, eu também sou irlandesa desde pequenininha… Como não ser fã de um pessoal que vai assistir a uma partida de futebol contra a Itália na Copa e, ao ser entrevistado, simplesmente afirma que ‘win or lose, we’re here for the booze’??? 😀

      É uma bagunça da melhor qualidade. Cervejas ótimas, diga-se de passagem, e a gente tem uma nova em cada condado. Como tem um condado diferente a cada 10km, faça as contas do tanto que a gente bebe. E muita música, inevitavelmente.

      A dança eu acho genial, quem não gosta são meus joelhos. Será que posso sapatear sentada? Mas esse durinho da cintura pra cima eu também acho o fim. Onde está o gingado, a malemolência e o nó nas cadeiras?

  2. Natal, festa de São João, dia de Finados… a lista é grande!
    Não, me cruz celta evaporou-se completamente, um mistério digno de Sherlock Holmes. Paciência, vou ter que voltar à Irlanda pra comprar outra! 🙂
    bjk

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s