Exercitando meu lado zen

Contando assim, mais parece um sketch do Monty Python. No fundo, é só aquele entusiasmo das empresas de quererem entrar na internet, estarem conectadas com o mundo, ficarem à disposição dos clientes, oferecerem opções as mais variadas e abrirem dezenas de canais de comunicação com você, prezado freguês (e você ainda pode curtir a nossa página no Facebook e seguir a gente no Twitter). Lindo. Na teoria, evidentemente, porque na prática o caso é bem outro. Na prática, o pessoal não sabe trabalhar direito, a não ser para te fazer exercitar níveis estratosféricos de paciência zen.

Veja o meu caso recente, por exemplo. A palavra do dia é ‘conexão banda larga no escritório’. Primeira parada: websites das operadoras de telefonia e similares, pra ter uma ideia de preços, configurações, promoções, etc. Primeiro problema: a maioria das operadoras reconhece dois tipos de clientes: residenciais e empresas. Pessoa física num endereço comercial é uma coisa assim, de outro planeta, pelo menos na página da internet. Daí que eu saio clicando em todos os links possíveis, naquela vã esperança de que o arquiteto do site tenha escondido essa informação preciosa em algum lugar recôndito da virtualidade. Necas. OK, vou anotando tudo, uma hora o mistério se desfaz, certo? Ficamos na torcida. Os links também me levaram, muitas vezes, do nada ao lugar algum. Eu clicava uma, duas, três vezes, uma bela hora eu estava lá de volta à página que deu origem aos cliques. Eu deveria ter mais informações, mas acabo tendo as mesmas, em looping ad nauseum. Nhé.Continuo sem saber os preços e configurações para o que eu preciso.

Aí penso: ‘telefone, né?’ 0800 pra falar com você, cliente amigo. Lá vou eu, animada e com as esperanças renovadas, afinal é ou não é uma empresa de telefonia, certo? Quem responde é o atendente virtual. Olha, se tem um sujeito chato nesse mundo é o atendente virtual. Porque ele vai te dando todas as opções, te dá a previsão do tempo, horóscopo, receita do bolo de fubá da avó dele, mas a informação que você quer não chega, porque é a última. E não adianta você tentar interromper, porque ele é treinado para falar e falar e falar. E para esperar você digitar o número do seu telefone + o CPF + seu número de cliente (não é cliente? volte 3 casas e perca sua vez de jogar) + sua altura multiplicada pelo número do seu sapato. Só aí ele te diz ‘vou te passar para um dos nossos atendentes’. Êba. Êba nada, a ligação caiu.

Eu tento de novo, que eu sou brasileira e não desisto nunca. Mesmíssima coisa. Volto ao site da operadora, onde foi mesmo que eu vi o link do ‘fale conosco’? Deve ter um chat, claro! E, ó, tem! A moça, super solícita, pergunta em que pode me ajudar. Eu penso: ‘agora vai!’. Daí eu começo a explicar alguma coisa e zapt, sou catapultada para fora da sala de chat. Levanto, sacudo a poeira e dou a volta por cima, segundo round. A página exibe a mensagem: TODOS OS NOSSOS ATENDENTES ESTÃO OCUPADOS NO MOMENTO. VISITE O NOSSO SITE E JÁ-JÁ IREMOS ATENDÊ-LO, VOCÊ ESTÁ NA POSIÇÃO DE  NÚMERO 64. Comassim, em menos de dois segundos eu fui pra rabeira? Vou tomar um café, enviar uns emails e depois volto. Aí quem me atende é o Gualberto. Que deve ser estagiário, porque só sabe me mandar olhar as informações no site. Fofo, se a informação que eu quero estivesse na página da internêta, eu não estaria por aqui tendo essa conversa com você. Não disse isso, achei mais prático sair da sala e entrar de novo, 3 é o meu número da sorte. Só que não. Vem a Natália, e agora sim, consigo explicar tudo pra ela. Ela me diz que não, o preço não é do cliente residencial nem do empresarial, mas pra saber as informações eu tenho que ligar no 0800 e falar com um dos vendedores. Argumento que já tentei fazer isso várias vezes, a ligação cai na hora H. Sugestão da Natália: continue tentando. Eu agradeço de novo e digo que vou continuar tentando (#NOT) ou então vou fechar com o concorrente.

Gente, é uma grana respeitável que as empresas gastam para montar e manter esses serviços. Pra treinar esses seres que vão nos atender. Pra atualizar a página. Para ter seu lugarzinho ao sol nas redes sociais. E daí? Daí que nada, ‘entrou pela perna do pinto, saiu pela perna do pato e quem quiser me conte quatro!’, como dizia o meu avô. Aí resolvo ligar pra um concorrente. Super rápido o atendimento, super simpática a mocinha. Ficou de me ligar na sexta porque eu pedi uns dias pra ela (mineiro não resolve nada no sopetão). Na sexta passada. Que dia é hoje mesmo? Ah é, segunda. Pois é.
***

Anúncios

10 respostas em “Exercitando meu lado zen

  1. Surreal o mundo da telefonia né não? Agora, eu aprendi a não esquentar a minha cabeça. Chateou? Não resolveu? Não me atendeu no tempo marcado? Liga pra Anatel e registra queixa. Bom…ai não sei afinal vc sequer consegue ser cliente das antas … Mas registra queixa assim mesmo só pra chatear eles 🙂 Eles merecem.

    • É, sei de muita gente que usou a tática e resposta foi imediata. Nada como uma ameaçazinha pra animar a galera e botar todo mundo pra funcionar! Mas no fundo, a gente quer mesmo é distância desse tipo de prestadora. Já fico feliz indo comprar noutra freguesia… 😛

  2. Você vai ficar com raiva de mim se eu disser que me diverti horrores com o seu texto? Algo me diz que seu eu juntar o texto, provas documentais, gravações das conversas por telefone e via internet e testemunhas e entregasse no Vaticano, você seria, no mínimo, beatificada. Em rito sumaríssimo e por unanimidade.l

    • Hahaha, precisa ficar preocupado não, porque até eu mesma me diverti com a situação (porque não era emergência, né, do contrário eu estaria ^%$#*&. Uai, menino, será que agora eu estou com uns créidtos? Vai que dá pra dar uma pecadinha extra durante a semana… 🙂

  3. Bah… olha… complicado. Quando nos mudamos, a Net só foi lá em casa ajustar tudo depois de eu ligar pra Anatel e meter a boca. Ano passado, fiquei mais de 40 minutos no telefone com a Vivo (sendo que a maior parte do tempo ouvindo musiquinha) pra resolver o problema da minha conta. Triste e revoltante!

  4. Mônica to morando fora faz tempo e tinha me esquecido do atendimento ao cliente excelente que temos por aí, ta igual aqui, vc liga se estiverem ocupados, se desculpam, pedem seu número, e depois te ligam de volta, não estou inventando, nem aumentando, mudei o serviço de internete a pouco tempo, mais com a mesma prestadora de serviço, por um mais rápido e barato, por morar em prédio e mais vizinhos terem a mesma empresa ela colocou um sistema novo, pra baratear pros usuários e ainda avisaram, da pra crer? Liguei pra pedir pra mudar, estavam ocupados, como te falei, pegam seu nº e retornam, pois mesmo sendo mais em conta nao fariam a mudança sem meu consentimento, me ligam e na hora já deram as datas disponíveis pra eu escolher, pedi um dia que coincidia com a folga e no período da manha, e pros avoados como eu não esquecerem ligam na véspera avisando que tem serviço agendado pra manha seguinte, igualzinho aí né não, sinto até raiva de ler umas coisas dessas, o serviço é ruim, caro e as empresas acham que estão fazendo favor ainda, ta louco, espero que um dia melhore, e que seja logo senão, haja paciência, abraço.

    • Ao invés das empresas aqui copiarem essas coisas das empresas gringas, ficam inventando moda pra querer fazer bonito pro cliente. Acabam fazendo um papelão. Seria cômico, se não fosse trágico…

  5. Você pode procurar e eu duvido que ache pelo mundo um serviço de telefonia tão ruim quanto no Brasil!!! O pior é que há tempos é assim e quem deveria fiscalizar o nível do atendimento e já ter revertido essa situação faz-se de desentendida: a Anatel. Fico pensando que na hora de desenvolver as regras, e imputá-las eles trabalham com a falsa idéia de que brasileiro aceita qualquer coisa… aceitar a gente não aceita, mas nessas horas onde vão parar os queridissimos representantes do povo que em teoria estão para defender seus direitos? Ai ai “difíci”

    • Eu tenho amigos que até conseguiram resolver os problemas de telefone (principalmente celular) apelando pra Anatel, mas o incrível que eu acho é saber que o problema SÓ se resolve quando a gente apela.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s