tweets

* Jesus era homem pelo simples fato de que, se mulher fosse, as parábolas não teriam credibilidade, achariam que era só fofoca.  (@oCriador)
* “deseja iniciar o windows normalmente?” Não, eu quero inicia-lo quebrando paradigmas da arte contemporânea como forma de protesto.  (@Eddiemasses)
* Listras horizontais engordam. Não coma listras horizontais  (@dicas_do_heman)
* Se eu fosse político eu teria várias bancadas no Congresso e formaria a Arquibancada.  (@imperador)
* – Vamos brincar de bullying? – Não, você é muito gordo e pode quebrar.  (@tiodino)
* Carro é um assunto muito batido pras mulheres  (@bqeg)
* Hookerheimer trancou-se no banheiro e de lá só sai depois que escrever “A popularização do Instangram e a casa do caray”. (@escoladfuckfurt)
* hoje na hora de sair eu botei um blazerzinho, um colar de pérolas e um ministro, mas o ministro não ficou legal e eu troquei  (@choracuica, escrevendo como se fosse nossa presidentA)
* A vida só tem o modo Hard, desculpe se você treinou no Easy esses anos todos  (@interney)
* Ovo de Páscoa é igual casamento: você paga caro e o que tem dentro geralmente não corresponde à expectativa  (@tiodino)

2 respostas em “tweets

  1. Sem dúvida há tweets inteligentes e de fino humor!
    partindo deste princípio… porque não utilizar este meio para combater alguns preconceitos ‘seculares’?, em vez de permanecer alimentando-os?
    Já contribuiria para minorizar juízos mesquinhos, de menosprezo e desdém,
    comportamentos tão obsoletos, quanto a palavra obsoleto é obsoleta para alguns!!!

    Que tal o tweet, além de informar, descontrair, também ser um agente transformador na sociedade de forma positiva — formador de opinião atualizada sem recorrer a estas comparações na ordem da ‘misogenia’ e ‘chauvinismo’ aqui empregado no sentido de machismo exagerado?
    A internet em seus variados meios, pode sim, devagarzinho, descontrair e ao mesmo tempo
    eliminar esses ranços entre gêneros. Cultivá-los não leva a nada, não estacionemos em pleno século 21.
    Abraços.

    • Realmente, a gente encontra de tudo ali no Twitter. Eu sigo pessoas muito legais e divertidas, mas a gente também esbarra em muito sem-noção (como, de resto, por toda a internet). O negócio é mesmo cultivar a galera do bem! Abraço!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s