Mandela

Não existiram (ou existem) muitos homens neste planeta (se a gente lembrar que já emplacamos a marca dos 7 bilhões até o momento) como Nelson Rolihlahla Mandela. E, pelo andar da carruagem, é pouco provável que ainda vamos encontrar muitos como ele por aí. Alguns até se esforçam e trabalham direitinho, mas a maioria quer mesmo é fazer barulho – que nem pipoca, pum e rolha de champanhe – e correr pro abraço. Então, quando aparece alguém de real e inegável valor, é preciso mesmo comemorar e cantar parabéns pra você.  Nem é o caso de pedir os tradicionais muitos anos de vida, porque parece que ele já está encerrando sua participação por aqui após 95 incríveis anos, e agora merece ter seu descanso quando a hora assim se apresentar. Enquanto isso, um feliz aniversário para o Madiba, ao som de N’Kosi Sikeleli (certamente um dos hinos nacionais mais lindos que eu conheço), nas belas vozes de Miriam Makeba, Paul Simon e Ladysmith Black Mambazo.
***

2 respostas em “Mandela

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s