Plano

Eu preciso de um plano. Quer dizer, de um bom plano. Ou melhor, o que eu preciso mesmo é de um ótimo plano. Daqueles muito bem elaborados, a ser executado com precisão e destreza, e que apresente resultados incontestavelmente positivos. Porque nas atuais circunstâncias, no presente estado das coisas, depois de colocar tudo na balança e pesar bem pesadinho, o único plano que me ocorre neste muito momento é “Vamo corrê daqui?”